Quarta, 13 Novembro 2019

Vereadores participam da reunião para a implantação da faculdade de medicina em Açailândia. O curso está previsto para começar em março de 2020

  

  

Previous Next

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

   A Câmara Municipal de Açailândia foi muito bem representada na reunião que aconteceu na tarde desta terça-feira no gabinete do prefeito Aluísio Silva Sousa que, juntamente com secretários e assessores e representantes de segmentos da educação, receberam o Grupo Wyden Educacional para uma importante reunião sobre a implantação da faculdade de medicina em Açailândia.
   De acordo com Diego Cunha, diretor da faculdade, todo o projeto de engenharia já está pronto e em vias de iniciar a obra que deverá ser concluída em 90 dias. Logo em seguida o prédio será adaptado para que tenha suporte e sistema de qualidade para receber o curso que está previsto para começar no início de março de 2020.
   Para o prefeito Aluísio, a primeira faculdade de medicina de Açailândia será um divisor de águas na história do município.
   "A cidade só tem a ganhar com a implantação da faculdade de medicina, a exemplo de cidades como Araguaína, Gurupi e Porto Nacional, cidades do estado do Tocantins que se tornaram grandes polos estudantis. É um grupo forte, de credibilidade e respeito, por isso estamos recebendo esse empreendimento tão importante para todos nós." Disse o prefeito Aluísio.
Os vereadores também enfatizaram a importância da faculdade de medicina que através de sua implantação, trará outros investimentos para Açailândia. O presidente da Câmara, vereador Ceará, destacou a harmonia entre executivo e legislativo.
   "É um orgulho muito grande participar desse momento histórico para Açailândia. É a primeira faculdade de medicina que representa o sonho de muitas famílias que não precisarão mandar seus filhos para longe em busca da formação em medicina. O grupo investidor está sendo recebido com todo o apoio do executivo e legislativo que agora podem trabalhar em parceria em benefício do povo." Finalizou o presidente Ceará.